O misterioso caso da criança sem pintinhas!!!

 

         Pode parecer loucura, mas me lembro que, na minha infância, lá pelos 8 anos eu acho, passei a acreditar intensamente que eu fosse adotada! Rss... só eu?!
          A história não envolve nenhum grande dilema existencial não. Na verdade, até acho que sou um pouco parecida com a minha mãe... Mas então, de onde surgiu a ideia? ...
          Lá em casa, tinha um pôster grande, pendurado na parede, com uma foto minha com pouco menos de 2 anos de idade.  À medida que fui crescendo, ao olhar para essa foto, reparei em uma coisa MUITO estranha: aquela menina se parecia comigo, MAS ... faltava alguma coisa... Reparei, reparei, e... ÃHÃH, descobri: faltavam minhas pintas! Sim, minhas pintinhas!!! 
          Não sou uma pessoa completamente pintada, como é o caso do meu marido, por exemplo.  Ele tem tanta pinta que acho que nem tem conta delas... Tanto que, uma vez, depois de comemorarmos o aniversário de um querido amigo em um hotel fazenda,  levamos de lembrança para casa uns carrapatos micuins (aqueles beeemmmm miudinhos), e ficamos mais de semana confundindo algumas das pintas dele com os malditos bichinhos!!! 
          Pois então, eu não, não sou pintada como ele, mas tenho um tanto de pintas, inclusive no rosto, e sempre gostei delas. 
          A questão é que a criança que estava naquela foto lá de casa não tinha pinta nenhuma. NENHUMA!!! Como é que pode?! Daí claro, fui olhar as outras fotos de quando eu era pequena: nada de pintas! E incrível: o bebê que estava nas fotos não se parecia comigo. Especialmente em umas fotos de 9, 10 meses, como essa daqui óh:

          Um bebê de cabelo liso e olhos puxados!? ... Mas como? 
          Conclusão para tudo isso?! A história, para mim, tinha sido mais ou menos assim: meus pais tiveram um bebê, aquele das fotos, aquele SEM pintas. Esse bebê devia ter morrido, ou será que tinha sumido?! E depois disso, eles me acharam sei lá aonde, e me colocaram no lugar! Simples assim!!! Não lembrava de nada, obviamente, porque era muito pequena. Aliás, as minhas primeiras lembranças são de quando eu tinha, justamente, uns 2 anos. 
          Não me lembro bem quando fui convencida de que essa história não era verdade, mas já estava bem crescidinha!
           De fato, às vezes que mencionei o assunto em casa, ninguém me deu moral. Acho que isso contribuiu para que eu esquecesse o assunto por um tempo, e, depois, quando voltei a pensar nele, fui pesquisar. Foi quando descobri, em uns livros (Barsa, na época?!), a resposta para as minhas indagações... 
          A explicação hoje não vem da Barsa (a coleção lá de casa, infelizmente, mofou!) mas diz a mesma coisa que encontrei na época: “Geralmente, as pintas começam a aparecer na infância, e tendem a aumentar em número até a meia idade, quando podem diminuir. Predisposição genética e exposição ao Sol são os fatores que fazem com que algumas pessoas tenham mais pintas do que outras. O número de pintas varia muito, mas maioria dos adultos brancos possui entre 10 a 40 pintas na pele. Porém, existem pessoas que tem até mais de 100 pintas!” (Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica, 2014). 
          Vocês sabiam disso? Já contaram suas pintas? Já repararam se elas existiam quando eram mais novos?!
          Pois é! O incrível é que a minha filha reparou nisso bem mais cedo que eu. Quando ela tinha uns dois anos, ela apontou algumas das minhas pintinhas, e me perguntou: mamãe, porque eu não tenho também?! AH, na hora, claro, me lembrei de toda essa história! 
          O mais legal é que, com o passar do tempo, tenho podido observar empiricamente essa teoria das pintas: tem mesmo aparecido algumas pintinhas na minha pequena, e, cada uma que ela nota, vem me mostrar toda orgulhosa! E eu, claro, acho o máximo, não só as pintinhas novas, mas a ótima capacidade de observação que ela tem, e a atenção que ela presta aos mínimos detalhes, de TUDO!!!  
          E ainda tem gente que acha que crianças pequenas não percebem as coisas... Rsss!..........

 

 (27 likes)

 

 

Please reload

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now